Olá seja bem vindo!

Tire suas dúvidas
(12) 3951-1988
Adicionado ao carrinho

MANJERONA - Origanum majorana - L. 100g

Marca: Cha e Cia Referência: G 3159

Estomacal, expectorante, analgésicas, cólicas, gases, asma, bronquite, debilidade dos nervos, dilatação do estômago...

Simulador de Frete
- Simulador de Frete

POTE 100 g. 
PARTES USADAS: Folhas

ORIGEM DO PRODUTO: Importado do Egito

DESCRIÇÃO:
Esta é mais uma das plantas com que as pessoas fazem a maior confusão. Muitos até falam em seu nome, mas poucos conhecem realmente a Manjerona, principalmente a planta viva. Provavelmente pela semelhança entre os nomes de Manjericão e Manjerona e pela semelhança entre as plantas de Orégano e Manjerona, essa acabou perdendo praticamente a sua identidade para os brasileiros. Planta rasteira, que atinge 20 a 30 cm de altura, com folhas pequenas e aveludadas, de coloração prateada, muito aromática, parecendo até mesmo um perfume francês. Mas existem algumas variedades, principalmente as selvagens, que podem atingir até 1 metro de altura. Nos países de clima quente, esta plantinha pode ser perene, mas em climas frios ela tem de ser semeada anualmente, pois não resiste ao frio intenso. Para os gregos antigos era considerada símbolo da felicidade, tanto é que o significado do termo origanum em grego é felicidade das montanhas. Conta uma lenda que o príncipe Amáraco, filho do rei de Chipre, dedicava-se à arte de fabricar perfumes. Um dia, ele conseguiu criar uma fragrância única, surpreendentemente agradável, e ficou maravilhado com sua criação mas, ao carregar o jarro que continha este perfume, deixou-o cair ao chão e quebrar-se, perdendo o raro perfume. Profundamente entristecido, o jovem começou a definhar, até morrer. Reconhecendo a dedicação do jovem príncipe, os deuses transformaram seu corpo sem vida numa planta muito aromática: a Manjerona, também conhecida como Amáraco. Originária do nordeste da África e do Oriente Médio até a Índia, a Manjerona (Origanum majorana L.; Majorana hortensis M.) é uma planta herbácea da família das Labiadas - a mesma da hortelã, melissa, orégano, tomilho, alecrim e manjericão. Acredita-se que a Manjerona foi introduzida no Ocidente durante a Idade Média, possivelmente pelas Cruzadas. Popularmente, a Manjerona também é conhecida como Manjerona-verdadeira, majerona-inglesa, flor-de-himeneu, majerona-hortensis e amáraco. Aliás, para o povo grego, a planta era símbolo da felicidade, tanto que era plantada na frente das casas como sinal de boas-vindas. Gregos e romanos a usavam para tecer coroas para os recém-casados e até hoje a erva é associada à felicidade conjugal. 

INDICAÇÃO: Chá de Manjerona => Estomacal, expectorante, analgésicas, cólicas, gases, asma, bronquite, debilidade dos nervos, dilatação do estômago, dor reumática, espasmo, histerismo, resfriado e tosse.

COMO FAZER: Coloque 2 colheres de sopa de erva para um litro de água, quando a água alcançar fervura, desligue. Tampe e deixe a solução abafada por cerca de 10 minutos. Em seguida, é só coar e beber.

COMO BEBER: Tomar de 2 a 3 xícaras ao dia.

Características


Visitados

Dê uma outra olhadinha!